:: Homenagem ao nosso amigo AL E C R I M ::

Não é a gente que escolhe um cavalo, ele que escolhe a gente...

Atleta de hipismo perdido numa hípica de rédeas.
Queriam que um atleta de salto fosse um campeão de tambor.
O bichinho se atrapalhava inteiro,
pois não entendia o comando de tambor,
quando eu o montei e descobri que
o seu treinamento era de equitação clássica.
Naquele momento, só andava atrás de mim, e fiquei com ele...
.

Companheiro de trabalho, e de muitos saltos,
inteligente, astuto, ligeiro, franco, e muito corajoso...

Agora vai saltar com os anjos e reabilitar
pessoas com deficiência de afeto, carinho, amor, e de espírito.

Descansou e cumpriu a sua missão...
Lutador até na hora de sua morte...


Cumpriu a sua missão divinamente.
Meu amigo, obrigada por tudo o que me proporcionou,
nos nossos momentos felizes, nas nossas angústias, nas nossas dificuldades...

Saudades...

Fique com Deus!

Eliane Cristina Baatsch

(jan/2011)


imprimir